SEAD

Secretaria de Estado da Administração

Acessibilidade: A+ A() A-
NOTÍCIAS

Começa o Curso de Formação para candidatos a oficiais e agentes da Polícia Civil

Estão matriculados 180 candidatos para ambos os cargos; capacitações prosseguirão por cerca de dois meses e meio na Aifa, zona oeste de Macapá.
Por: Eloisy Santos - 02/07/2018 - 15:32
Aula inaugural ocorreu nesta segunda-feira, 2, no Palácio do Setentrião, sede do Executivo amapaense
Foto: Marcelo Loureiro/Secom
Aula inaugural ocorreu nesta segunda-feira, 2, no Palácio do Setentrião, sede do Executivo amapaense

Nesta segunda-feira, 2, o Governo do Estado do Amapá (GEA) deu início, no Palácio do Setentrião, ao Curso de Formação Policial Profissional para 180 candidatos aos cargos de agente e oficial da Polícia Civil do Amapá (PC/AP). As capacitações prosseguirão por cerca de dois meses e meio, cada, conduzidas em parceria pela Escola de administração Pública (EAP) e Academia Integrada de Formação e Aperfeiçoamento (Aifa), iniciando-se nesta tarde.

A solenidade de início da formação foi presidida pelo governador Waldez Góes que, acompanhado por sua equipe de governo, parabenizou e deu as boas-vindas aos candidatos que estavam, em sua maioria, acompanhados de seus familiares.

A amapaense Ellen Magalhães é candidata ao cargo de oficial. Ela e mais 59 pessoas estão matriculadas no curso de formação da carreira. Ellen contou que estudou bastante tempo para as carreiras policiais disputando vagas, inclusive, em outros estados.

“Deus me reservou uma vaga no meu Estado. Estou muito feliz em ter superado, com apoio integral da minha família, as fases anteriores, que foram muito difíceis. Estou preparada para enfrentar mais esta etapa e, futuramente, servir da melhor forma a população amapaense”, registrou a candidata.

Carlos Eduardo Mazurek, amapaense de 29 anos, é um dos 120 candidatos ao cargo de agente de Polícia Civil. Ele contou que já teve experiência no funcionalismo público estadual. Foi aprovado no concurso de 2008 do Corpo de Bombeiros Militar do Amapá (CBM/AP), onde permaneceu até 2012. Ele conta que sempre estudou para carreiras da área de segurança pública, principalmente, para a polícia judiciária, devido à sua formação em Direito.

“Estou extremamente feliz pela oportunidade de estar prestes a ingressar novamente no funcionalismo público, desta vez em uma carreira que sempre almejei. Espero, quando concluir o curso e ser nomeado, colaborar muito para o desenvolvimento da Polícia Civil e para a segurança da nossa população”, declarou Mazurek.

Gestão

O chefe do Executivo Estadual, Waldez Góes, lembrou dos esforços da gestão, em tempo de crise, para que não fossem subtraídos direitos e serviços ao funcionalismo público e cidadãos amapaenses. Enquanto outros estados do país retrocederam na crise, o Amapá ousa em investimentos, dentro dos limites da responsabilidade fiscal.

Só na área de segurança pública, são quatro concursos em andamento: Polícia Militar do Amapá (PM/AP), Polícia Civil, Polícia Técnico-Científica do Amapá (Politec), e o concurso para o quadro do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen), cuja comissão organizadora já foi nomeada, assim como as áreas de Gestão e Socioeducativo. O GEA ainda reforça o sistema de defesa social com veículos, equipamentos e infraestrutura.

Góes recordou, ainda, que na história da Polícia Civil do Amapá já houve 4 concursos públicos, sendo este o terceiro realizado em sua gestão, um certame transparente, rigoroso, que selecionou, de fato, os candidatos que tiveram o melhor desempenho intelectual e físico.

“A realização de concursos para estas e demais carreiras da administração pública só foi possível porque trabalhamos arduamente no enfrentamento à crise. Planejamos, mantemos os pés no chão, atuamos com segurança e transparência. A crise ainda é desafiadora, mas prosseguiremos trabalhando pelo bem do nosso povo e pelo desenvolvimento do Amapá”, salientou Waldez Góes.

Curso de formação

A secretária adjunta de Gestão de Pessoas da Secretaria de Estado da Administração (Sead), Regina Duarte, pontuou que a matriz curricular para o curso de oficial possui carga horária de 550h. Já o curso de agente de Polícia Civil possui carga horária de 574h. Ambos cursos acontecerão pela manhã e à tarde, nas dependências da Aifa, na zona oeste de Macapá.

Regina Duarte ainda lembrou que esta é a última fase do certame, mas que ainda possui caráter eliminatório. “Para ser aprovado, tanto para o cargo de agente quanto de oficial, o candidato precisa cumprir percentual de frequência e, 60% de rendimento nas disciplinas do curso”, apontou a gestora.

Durante as capacitações, os candidatos receberão, conforme prevê o edital do concurso, auxílio financeiro que corresponde a 50% do salário inicial da carreira que almeja.

Reforço e integração

O delegado-geral da Polícia Civil do Amapá, Uberlândio Gomes, destacou a expectativa e a importância do reforço que a instituição receberá para fortalecer os trabalhos em todo o Estado.

“Quando nomeados, esses candidatos irão suprir nossa carência de profissionais, que é acentuada principalmente no interior do Estado. Essas pessoas que hoje iniciam a formação, são os melhores de um concurso público com elevado nível de dificuldade, portanto, não temos dúvida de que representarão um reforço quantitativo e qualitativo no combate ao crime no Amapá”, considerou o delegado-geral.

O secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Carlos Souza, frisou que o sistema de segurança pública do Amapá vive um novo momento. “Ainda este ano, com todos os concursos que estão em andamento, prevemos mais de 500 novos servidores de segurança pública sendo nomeados. O sistema precisa funcionar equilibrado, integrado. Esse foi o grande planejamento do governador, fortalecendo todos os órgãos com recursos humanos, reaparelhamento, infraestrutura, para ofertar cada vez mais um serviço de qualidade à população”, destacou Souza.


SEAD - Secretaria de Estado da Administração
Av. FAB, 87. Fone: (96) 3084-8000
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP
2015 - Licença Creative Commons 3.0 International

Amapá